A Doutrina da Igreja - O povo Deus Chamado para Fora

🎯
O vocábulo igreja é formado por duas palavras gregas: pelo prefixo ek, isto é, “a partir de”, “de dentro de” ou “para fora de”; e, klēsis, que significa “chamada”, “convocação”, “convite”. Literalmente quer dizer “chamados para fora”.
Eclesiologia é a disciplina da Teologia que estuda a igreja, sua fundação, símbolos e missão, entre outros temas, conforme as Escrituras. Em relação à origem da Igreja, duas principais opiniões são sustentadas pelos teólogos ortodoxos.
De acordo com alguns teólogos, a igreja começou com o Novo Testamento. Foi predita por Cristo por ocasião da confissão de Pedro (Mt 16.18). Após a ressurreição de Cristo, Ele foi exaltado e “sujeitou todas as coisas a seus pés e, sobre todas as coisas, [Deus] o constituiu como cabeça da igreja, que é seu corpo” (Ef 1.22,23). O Pentecostes foi o dia em que a igreja verdadeiramente teve início, pois, enviando o Espírito Santo, Deus formou um único corpo (1 Co 12.13) do qual fazem parte todos os crentes, quer judeus ou gentios.

Esta opinião é apoiada pelo argumento de que a igreja era um mistério, que não havia sido “manifestado aos filhos dos homens”, mas estabelecido e revelado por Cristo (Ef 3.5). Nele não há judeu nem grego; não há servo nem livre; não há macho nem fêmea; porque todos somos um em Cristo Jesus (Gl 3,28), a parede de separação que estava no meio foi eliminada através da morte do Senhor Jesus (Ef 2.14,15). Aqueles que estavam separados, agora, através de Cristo, têm “acesso ao Pai em um mesmo Espírito” (Ef 2.18). Este novo relacionamento ó baseado na promessa feita por nosso Senhor, de que o Espírito habitaria em cada cristão (Jo 14.16.17).

De acordo com a outra opinião, aquela que é sustentada pelos teólogos reformistas, a igreja é composta por todos os eleitos, de todas as épocas. Havia uma igreja no deserto (At 7.38). Os crentes do Novo Testamento formam uma universal assembleia e igreja dos primogênitos, que estão inscritos nos céus (Hb 12.22,23). O mistério de que “os gentios são coerdeiros, e de um mesmo corpo com os judeus (Ef 3.5,9) tomou-se conhecido dos crentes do Antigo Testamento por revelação (Is 42.1-4; 60.3; Lc 3.6; At 13,47; 15.17), mas, não completamente, “como, agora, tem sido revelado pelo Espírito” (Ef 3.5). Uma vez que as promessas feitas a Abraão devem ser compartilhadas com os crentes de todas as épocas (Rm 4.13-16; Hb 11.39,40), os teólogos reformistas não veem uma possibilidade de distinção entre os crentes do Antigo e do Novo Testamento, nem em suas bases de salvação em Cristo e na justificação por meio da fé (a união da aliança com a graça), ou de seu futuro destino e recompensas.[1]

O vocábulo igreja é formado por duas palavras gregas: pelo prefixo ek, isto é, “a partir de”, “de dentro de” ou “para fora de”; e, klēsis, que significa “chamada”, “convocação”, “convite”. Literalmente quer dizer “chamados para fora”.


Em Atos 19.39, ekklēsia é uma “assembleia reunida para fins políticos”; em Atos 7.38 é a congregação ou assembleias dos israelitas, mas em 1 Co 11.18, uma congregação cristã.

O termo ainda é usado para designar um “grupo local de cristãos” (Mt 18.17; At 5.11; Rm 16.1,5); a Igreja universal à qual todos os servos de Cristo estão ligados (Mt 16.18; At 9.31; 1 Co 12.28; Ef 1.22); e a Igreja de Deus ou de Cristo (1 Co 10.32; 1 Ts 2.14; Rm 16.16).

Iniciamos aqui um estudo sobre a Igreja do Deus vivo (1 Tm 3.15). A Igreja é o alvo do grande amor de Jesus Cristo. Bíblia diz: "Cristo amou a igreja e a si mesmo se entregou por ela" (Ef 5.25). Para melhor compreensão da doutrina sobre a Igreja, iremos meditar sobre a origem desse organismo sob três aspectos.



CURSOS BÍBLICOS PARA VOCÊ:




1) CURSO BÁSICO EM TEOLOGIA Clique Aqui

2) CURSO MÉDIO EM TEOLOGIAClique Aqui
3) Curso de Secretariado para Igrejas Clique Aqui
4) Formação de Professores da Escola Dominical Clique Aqui
5) CURSO OBREIRO APROVADO - Clique Aqui
Matricule-se já ! 


1. A IGREJA NO CORAÇÃO DE DEUS

Quando Deus, na sua presciência, previu a queda do homem que haveria de criar, por seu grande amor concebeu um plano de salvação para esse homem, e isso através do sacrifício do seu Filho amado (Ef 1.4,5; 1 Pe 1.19,20). O Filho aceitou o plano divino. É por isso que a Bíblia diz do "Cordeiro que foi morto desde a fundação do mundo" (Ap 13.8).

No seu eterno plano, Deus também determinou as bases e a forma da comunhão que deveria haver entre os que aceitassem a salvação por Jesus Cristo. Foi então que a Igreja surgiu como um plano embrionário no coração de Deus. Esse embrião se manteve "oculto era mistério" (1 Co 2.7) desde os séculos dos séculos, até que o Pai, na plenitude dos tempos, o quis revelar pelo Espírito Santo (Ef 3.2 - 6; 1 Co 2.10).

2. A IGREJA NA PLENITUDE DOS TEMPOS

Quando Jesus, na plenitude dos tempos (Gl 4.4), veio e iniciou a sua missão, começou a ser revelado aquele mistério de Deus.

Os homens que se convertiam pela pregação de Cristo começaram a segui-lo e a "se congregar em Cristo" (Ef 1.10). De modo natural, formou-se em torno de Jesus um agrupamento que foi o início da Igreja. Jesus falou sobre a sua igreja dizendo: "Sobre esta pedra edificarei a minha igreja" (Mt 16.18), referindo-se à confissão de Pedro que havia declarado na sua fé: "Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo" (Mt 16.16). O início da igreja foi simples: Jesus era o centro em tudo e só havia uma caixa para atender aos pobres. Judas era o tesoureiro dessa caixa (Jo 13.29).

3. A IGREJA ESTABELECIDA

Somente quando o Espírito Santo foi derramado sobre os discípulos e eles foram batizados com poder (At 1.5), é que a igreja foi estabelecida em autoridade e na forma como Deus havia determinado. O mistério de Deus, guardado desde o princípio dos séculos, estava revelado: a Igreja, órgão de Deus na dispensação do Novo Testamento, havia aparecido em cena.

4. DEUS FORNECE O MODELO

Sempre que Deus determina que o homem faça algo em cooperação consigo, fornece o modelo conforme tudo deva ser feito:
 👉 Quando Deus ordenou que Noé construísse a arca, não deixou sob a responsabilidade do patriarca a escolha do material, do molde e das medidas. Deus determinou tudo, até os menores detalhes (Gn 6.14-16);

👉 Quando Deus ordenou a Moisés que construísse o tabernáculo, Ele lhe deu orientações detalhadas acerca de tudo e enfatizou: "Atenta, pois, que o faças conforme o seu modelo, que te foi mostrado no monte" (Êx 25.40);

👉 Da mesma maneira, Deus mostrou a Davi o "risco de tudo" para o templo que Salomão deveria construir (1 Co 28.12). Davi então falou a Salomão: “Tudo isso, me disse Davi, por escrito me deram a entender por mandado do Senhor, a saber, todas as obras deste risco" (1 Cr 28.19). Assim, Deus revelou o modelo da Igreja, o qual Ele havia mantido em oculto. Importa, por isso, fazer tudo conforme esse modelo (2 Tm 1.13,14).

5. DEUS REVELOU O MODELO DA IGREJA ATRAVÉS DO ESPÍRITO SANTO

Quando a Igreja, no dia de Pentecostes, se levantou em poder, não existiam livros ou ordens orientando sobre a forma como ela deveria ser edificada. Jesus ensinou muitas coisas, mas também disse: "Ainda tenho muito que vos dizer, mas vós não o podeis suportar agora. Mas, quando vier aquele Espírito da verdade, ele vos guiará em toda a verdade" (Jo 16.12,13). Foi isso o que aconteceu.

O Espírito Santo tomou a direção de tudo, e a igreja apostólica surgiu em pleno funcionamento, com os mistérios em ação, com os dons operando e com um crescimento notável. Dessa maneira, a igreja em Jerusalém tornou-se padrão para todos os tempos.

Os demais detalhes sobre esse mistério foram depois manifestados pela revelação que Paulo escreveu através das suas epístolas (Ef 3.3) fornecendo, assim, uma doutrina detalhada sobre a maneira como a igreja local deve ser edificada e como deve funcionar. Ele podia escrever: "Eu recebi do Senhor o que também vos ensinei" (1 Co 11.23). Foi esse ensino que, por toda parte, foi entregue em cada igreja (1 Co 4.17).

6. ESPÍRITO SANTO — O EXECUTOR DO PROJETO

Quando o Espírito Santo foi derramado no começo deste século, dando início ao movimento pentecostal, vivificou essa doutrina de maneira impulsionadora. A Palavra de Deus sobre a igreja local se tornou viva e constituiu um modelo que devia ser obedecido. Igrejas se levantaram por todas as partes do mundo, edificadas conforme o modelo inicial.


[1] Wycliffe Bible Dictionary

Compartilhar:

VEJA PUBLICAÇÕES EM DESTAQUES ⤵️ :

️ RECEBER NOVIDADES DO PORTAL CRISTÃO ALERTA
👍 Cadastre grátis seu e-mail para que possamos lhe enviar as novidades e lhe avisar sempre que o Portal Cristão Alerta publicar novos Estudos Bíblicos.
👍 Passos:
1) Digite seu MELHOR e-mail e clique em CADASTRAR;
2) Em seguida abra o seu E-mail clique no link de confirmação que lhe enviaremos, afim de confirmar seu cadastro.

De PCA