Celebração da Ceia do Senhor pelos Cristãos Primitivos

️ Introdução

Você já teve a Curiosidade de saber quando os cristãos dos primeiros séculos da igreja se Reunião para celebrar a ceia do Senhor?


Será que a ceia era celebrada semanal, mensal ou anual?

Muito bem.

Nós cristãos da Igreja Assembleia de Deus celebramos a ceia do Senhor uma vez por mês, mas os cristãos dos primeiros séculos da Igreja. Faziam diferente.


A celebração era semanal e acontecia no domingo bem cedo.

De acordo com evidências bíblicas e histórica se chega a tal conclusão.


A Eucaristia, também conhecida como a Ceia do Senhor, é um dos rituais mais sagrados no Cristianismo, representando a memória do sacrifício de Jesus Cristo na cruz e a comunhão entre os crentes. A prática da Eucaristia teve origens humildes nos primórdios do Cristianismo, e ao longo dos séculos, evoluiu e se desenvolveu profundamente. Este estudo se propõe a investigar a celebração da Ceia do Senhor pelos primeiros cristãos, com ênfase no período que abrange os séculos I a III.

I. A Celebração Semanal da Ceia do Senhor no Século II


1. A Evidência Bíblica

A prática da celebração semanal da Ceia do Senhor encontra apoio nas Escrituras do Novo Testamento. O livro de Atos dos Apóstolos, que relata as atividades da Igreja Primitiva, nos fornece evidências dessa prática:


- Atos 20:7 menciona uma reunião dos discípulos no primeiro dia da semana: "No primeiro dia da semana, estando nós reunidos para partir o pão, Paulo, que havia de partir no dia seguinte, falava com eles e prolongou a prática até a meia-noite."


Aqui, "partir o pão" é uma referência à Ceia do Senhor, e a frequência semanal é sugerida pela expressão "no primeiro dia da semana".


- 1 Coríntios 11:20-26 fornece instruções detalhadas sobre a celebração da Ceia do Senhor e diz que os coríntios a realizavam "se reunindo em assembleia".


A frequência com que isso acontecia não é especificamente mencionada, mas o contexto sugere uma prática regular.

Essas passagens bíblicas indicam a reunião semanal para a celebração da Ceia do Senhor.


2. Evidências Históricas

No século II, as evidências históricas corroboram a prática da celebração semanal da Ceia do Senhor. Os escritos dos Pais da Igreja deste período, como Justino Mártir e Inácio de Antioquia, confirmam que a Eucaristia era uma parte integral da adoração semanal no "Dia do Senhor" (Domingo). Por exemplo:


️ - Justino Mártir, em sua "Primeira Apologia" (escrita por volta de 155 d.C.), descreve a reunião no Domingo, que inclui a leitura das Escrituras, a pregação e a celebração da Eucaristia. Ele menciona que a Eucaristia era ministrada "a todos os que estão presentes" e distribuída aos ausentes através dos diáconos, enfatizando sua regularidade.


️ - Inácio de Antioquia, em suas "Epístolas" (início do século II), também destaca a importância da Eucaristia no Domingo e sua conexão com a ressurreição de Cristo.


3. O que diz a Igreja Assembleia de Deus?

De acordo com o manual oficial de doutrinas das Igrejas Assembleias de Deus, são duas as ordenanças da Igreja: o batismo em águas e a Ceia do Senhor. Rejeitamos o termo ״sacramento ״ e usamos a palavra "ordenança", do latim ordo, "fileira, ordem". Tanto o batismo em águas como a Ceia do Senhor foram instituídos por Jesus para que fossem observados pela Igreja.


Já em relação à frequência da celebração da Ceia do Senhor, da Declaração de Fé observa que “Pode ser dito que as igrejas do período apostólico celebravam semanalmente a Ceia do Senhor: "No primeiro dia da semana, ajuntando-se os discípulos para partir o pão" (At 20.7). Nós a celebramos numa frequência suficiente para evitar intervalos longos entre os períodos de reflexão, comunhão e ação de graças”. [1]


️ Conclusão

Esses registros históricos indicam que a prática da celebração semanal da Ceia do Senhor estava firmemente estabelecida no século II e era uma parte central da adoração dos cristãos. Essa tradição se desenvolveu a partir das raízes apostólicas e continua a ser uma parte significativa da vida da igreja cristã até os dias de hoje, enfatizando a importância de lembrar e celebrar o sacrifício de Cristo de forma regular.


Curiosidade

O termo "Eucaristia" tem origem no grego "εὐχαριστία" (eukharistia), que significa "ação de graças" ou "agradecimento".


Eucaristia" é um termo tradicionalmente empregado para descrever a celebração da Ceia do Senhor como um ato de ação de graças e adoração a Deus. Embora o termo "Ceia do Senhor" seja mais comum em algumas denominações, "Eucaristia" é amplamente utilizado, especialmente nas tradições cristãs católicas e ortodoxas, para se referir a esse sacramento central da fé cristã.



[1] Declaração de Fé das Assembleias de Deus – CGADB, 1ª  Edição de 2017 – CPAD

Compartilhar:

👇 DESTAQUE


CURSOS BÍBLICOS PARA VOCÊ:

1) CURSO BÁSICO EM TEOLOGIA Clique Aqui
2) CURSO MÉDIO EM TEOLOGIAClique Aqui
3) Formação de Professores da Escola Dominical Clique Aqui
5) CURSO OBREIRO APROVADO - Clique Aqui


Matricule-se já !